O que é?Centro de interpretação e museus virtuais
Nos últimos anos, os chamados média digitais têm sido usados cada vez mais na área da cultura (museus, galerias, locais arqueológicos,etc) e instituições de educação. Os media tradicionais, como as ilustrações animadas e audio-guias, em conjunto com exposições interactivas com recurso à multimédia digital, permitiram transportar a transferência de conhecimento para um nível completamente novo. Novas possibilidades para apresentação e experimentação do conhecimento, de forma atractiva para a audiência, foram surgindo daquela fusão.
Neste portal pretende-se mostrar os locais museológicos de Braga recorrendo aos sistemas multimédia.
MuseusLocais em destaque
Museu dos BiscainhosMuseu D. Diogo de Sousa
NotíciasÚltimas sobre os museus de Braga
Dia Internacional dos Monumentos e SítiosData:26/5/2009

“O Dia Internacional dos Monumentos e Sítios foi criado pelo ICOMOS em 18 de Abril de 1982 e aprovado pela UNESCO no ano seguinte. A partir de então, esta data comemorativa tem vindo a oferecer a oportunidade de aumentar a consciência pública relativamente à diversidade do património e aos esforços necessários para o proteger e conservar, permitindo, ainda, alertar para a sua vulnerabilidade. ~

Em complemento à declaração, pelas Nações Unidas, de 2009 como Ano Internacional da Astronomia, o ICOMOS elegeu “Património e Ciência” como tema estruturante do Dia Internacional dos Monumentos e Sítios de 2009, com o objectivo de proporcionar uma oportunidade de reflexão e de reconhecimento do papel da ciência (e da tecnologia) no património cultural, e, ainda, de incentivar a discussão sobre os potenciais benefícios da ciência no futuro no tocante à salvaguarda e à conservação do património.”
 A Câmara Municipal de Braga respondendo ao apelo internacional do ICOMOS, coordenado nacionalmente pelo IGESPAR, propõe para a celebração deste dia, desenvolver na Fonte do ídolo a seguinte iniciativa e actividade:

• 17 de Abril, pelas 10h30, realização de uma conferência com o título “Quando a água transforma a pedra”, da autoria do Professor Doutor Carlos Alves, do Centro de Investigação Geológica, Ordenamento e Valorização de Recursos, do Departamento de Ciências da Terra da Universidade do Minho. Nesta conferência, apresentar-se-ão alguns exemplos de transformações de materiais rochosos associadas com a circulação da água em monumentos históricos e em construções recentes.

 

Outras notícias
Centro de interpretação e Museus Virtuais - todos os direitos reservados 2008|Conteito: Implementação:CCG